quarta-feira, 6 de fevereiro de 2008

O.Noir ...

E aí...seu prato é gostoso? O que você acha que é? Um minuto deixa eu localizar meus talheres..... Vou tentar cortar.......acho que é um filet com ...espera... não consigo levar até a boca.....cai tudo......ahahahah .......consegui.....são batatas...... ééééé... acho que tem funghi também.......a textura...... nossa que aroma delicioso. E o seu....o que você acha que é?
Parece piada mas na verdade somos nós tentando comer na escuridão total. Quando digo escuridão total, é total mesmo. Nenhuma luz...nadinha....breu total. No domingo tivemos a oportunidade de viver essa experiência única...sim, sim comer sem ver. Acompanhados dos nossos queridos amigos Gui e Erasmo, fomos jantar no restaurante O.Noir. Foi um dos meus presentes de aniversário para o maridoco, e como o aniversário da Gui se aproxima, o maridão dela aproveitou a oportunidade. Quando ouvi falar pela primeira vez deste restaurante não imaginava que realmente pudesse existir algo assim. Para acreditar tivemos que conferir.

O conceito surgiu graças a idéia de um pastor deficiente visual que, quando oferecia jantares em sua casa, tapava os olhos dos seus convidados para que pudessem dividir a mesma sensação que ele durante uma refeição. O O.Noir é o único no Canadá com este conceito e fica aqui em Montreal.

Vocês devem estar pensando: e como escolher o menu? Pois bem.....quando chegamos no restaurante existe um pequeno bar com alguns armários onde você deve deixar todos os seus pertences. Ali a recepcionista apresenta o menu e podemos escolher nossos pratos ou optar por um menu surpresa. Aiaiaiai.....e agora? O maridoco, assim como o Erasmo resolveram arriscar e pegar o menu surpresa. A Gui arriscou a entrada e a sobremesa...e euzinha, como sempre muito cautelosa arrisquei somente a sobremesa. Fomos apresentados ao nosso gentil garçom: o Guillaume. Um detalhe: todos os garçons do local são deficientes visuais assim como a banda. Sim tem música ao vivo e à cores....quer dizer, ao vivo e sem cores. Fomos guiados pelo nosso gentil garçom até nossa mesa. Fomos em filinha indiana com a mão apoiada no ombro esquerdo do colega da frente. Uma sensação estranha......mas boa ao mesmo tempo. Sentamos e aguardamos...... O Guillaume trouxe nossas bebidas e passou por cima do ombro esquerdo.....não é fantástico. Vieram as entradas ...aiaiai e agora? Comemos, conversamos, nos divertimos ....... Até se ambientar com a escuridão, com os pratos e talheres você deixa cair alguma coisinha ali e aqui....mas depois você fica craque e pode comer no escuro de olhos fechados...ahahaha...difícil né. "Nossa a faca tá cega", diz a Gui...... imaginem o quanto não nos divertimos na escuridão.

A comida é muito saborosa...... Nada de muito diferente....simples e gostoso. Como entrada escolhi uma salada de legumes grelhados com queijo de cabra e como prato principal optei por camarões grelhados com risotto de tomate seco. A sobremesa estava divina.......Para verificar como estava montado o prato coloquei as mãos.....tudo caprichado e bem decorado. Se gostamos? Sim, adoramos......poder viver essa experiência forte e intensa foi fantástico. A sensação de saborear sem ver é no mínimo fascinante. Apreciar um prato sem ver suas cores, formas.....é bom demais. Desta vez não comemos com os olhos ......O paladar fica mais aguçado, o olfato enlouquecido e o tato é nosso grande guia ........ Recomendo pelo menos uma vez na vida ............

Aqui uma fotinha nossa dentro do restaurante:
à direita a Gui com seu maridão Erasmo....eu à esquerda junto com o maridoco. Lá no fundo é o Guillaume trazendo a sobremesa. Gostaram?..ahahaha.

Aqui os maridocos depois da excelente experiência.....

15 comentários:

Natércia disse...

Fabrícia faço ideia a gente a comer no escuro mas também penço que não vamos errar a boca isso nunca mas a ademiração para mim é fantástica adorei.um beijo Natércia...

Paula disse...

Fáaaaa!!!!
Que fantásticooo!!!!
Nossa qdo for te visitar vou querer ir nesse restaurante!!!!
Muito legal!!!!
Beijos... manda um beijo pro Mohamed de aniversário!

Receitas da Filipa disse...

Fabrícia que post delicioso, gostei especialmente das fotos rsrs...
Imagino como não terá sido esse jantar.
Esse restaurante é super inovador, adorei! Acho que toda a gente devia experimentar um dia para termos uma pequena ideia da dificuldade que enfrentam os invisuais neste mundo. Pena que aqui não haja nada assim, um dia gostava de experimentar.

Gatinha na cozinha disse...

que experiencia unica!!!! nossa tb vou querer ir a este lugar quando estiver por ai! nossa... bjkas dani

Marizé disse...

Engraçado, eu este fim de semana vi uma reportagem de um restaurante assim em Paris.

Muito interessante, e mais ainda por dar emprego a pessoas invisuais!

Beijocas

Emília disse...

Adorei as fotos! rss Nossa, nunca imaginei que existisse um restaurante assim, é maravilhoso! Lindo o seu blog! Beijos

Sabrina Rocha disse...

Fiquei muito curiosa com o lugar. Quem sabe um dia...
Adoro o seu blog!
Bjo

Pedro & Pedro (filho) disse...

Lindo!
Deve ter sido um espectáculo!
gostava de experimentar.
Os meus parabens pelo aniversário.
bjinhos.Pedro

Elaine disse...

Fá,
Com certeza jantar nesse restaurante foi uma experiênca única... muito, muito bom!!!
Melhor ainda foi a companhia...
Bjs,
Gui

Cláudia disse...

Fabrícia, aqui em Campinas podemos ficar orgulhosos, pois também abriram um restaurante com este conceito no Shopping Galleria, só que se não me engano, ele é itinerante, preciso verificar se ainda está lá. Lindo, com a entrada muito bem decorada, mas lá dentro, escuridão total. Naquele dia não quis enfrentar, mas agora até que eu iria.

bjs

Marcia disse...

Fa, amei o seu post! Visitar este restaurante deve ser uma experiência inesquecível... Sem poder contar com a visão, o olfato e o paladar se aguçam, e a comida se torna ainda mais saborosa! Bjs

Lili disse...

Fabrícia,
Que inusitado! Fui dar uma espiadinha na sopa e não consegui parar de ler, nem o telefone atendi! E o sabor, não fica um pouco confuso? Os pratos surpresas, forma logo identificados?Tô curiooooosa!
bjs

Odete disse...

Menina, que fascinante essa experiencia. Ideia original e genial. Beijos

COZINHAR COM OS ANJOS disse...

Adorei,foi demais.Que pena aqui não haver nada assim deve ser uma experiência única...beijinhos doces

Alessandro Silva disse...

Oi querida Fa,

adorei este restaurante.
Qdo for em Montréal vou experimentar!

bjs,

Alê